Dicas de como fazer a bateria do seu celular durar mais tempo

Se antigamente nós passávamos semanas sem precisar recarregar o celular, hoje em dia, temos de ligá-lo à tomada quase que diariamente. Também, pudera: internet, MP3, câmera e outras tecnologias fazem a bateria dos smartphones se esgotarem rapidamente. Para você não ficar na mão quando precisar do seu aparelho, siga as recomendações que separamos para a sua próxima recarga demorar um pouco mais.

A primeira dica é muito simples e, talvez, você já tenha pensado nisso: desligar o telefone enquanto não estiver usando e não pretende atendê-lo. Vai entrar em reunião? Vai ao cinema? Vai dormir? Melhor desligar do que colocar no silencioso. A dica vale também para aquelas situações em que o sinal está fraco – o aparelho vai ficar procurando serviço continuamente e acabando com a sua bateria.

Procure saber qual é o tipo de bateria usada no seu smartphone. As baterias de níquel-cádmio possuem o famoso efeito memória, que reduz a capacidade delas se não forem carregadas quando estiverem totalmente descarregadas. Entretanto, os aparelhos mais modernos utilizam as baterias de íons de lítio, que não viciam.

Você sabia que o calor excessivo diminui a capacidade da bateria? Por isso, tente não andar com o celular no bolso o dia inteiro. Também tome cuidado para mantê-lo longe de outras fontes de calor e fique atento com as cargas, pois, se ele esquentar demais, seu carregador não deve estar funcionando corretamente.

Ajustar algumas configurações básicas também ajuda a controlar o tempo que a carga vai durar. Você não precisa deixar o volume do toque no máximo em todas as ocasiões nem usar o nível mais alto de brilho da tela. E quando você coloca o celular no modo vibratório, ele exige mais da bateria que o aviso sonoro.

Existem recursos que consomem muita bateria e que você não precisa deixar ligados o tempo todo. Ligue o Bluetooth apenas quando for receber ou enviar arquivos e desligue-o quando acabar. O mesmo vale para o GPS e para o Wi-Fi: só acione-os quando for necessário e desative-os em seguida.

Todo mundo tem algum aplicativo que baixou, mas quase não usa. Muitos desses apps consomem a energia da bateria e você nem percebe. Portanto, desinstale tudo que você não usa e não se esqueça de fechar os que não estão sendo utilizados no momento.

Aquele vício de checar o e-mail a cada minuto ou visualizar o feed de notícias do Facebook toda hora aceleram o descarregamento da bateria. Naquelas situações em que você vai precisar do celular, mas está sem o carregador ou energia elétrica por perto, o melhor a fazer é acessar a internet o mínimo possível.

As opções de atualização automática que muitos aplicativos possuem podem ser muito práticas, mas gastam bastante bateria. Isso também acontece com a localização por satélite do software de previsão do tempo, que faz o aparelho se conectar ao 3G de períodos em períodos.

Para facilitar a sua vida, existem alguns aplicativos perfeitos para quem sofre com problemas com a bateria que descarrega rapidamente. O Easy Battery Saver, por exemplo, aumenta a vida útil e otimiza o uso da bateria. Você escolhe um dos perfis de gasto energético pré-definidos ou personaliza de acordo com a sua necessidade.

Outro app interessante é o Battery Doctor, que gerencia as funções do smartphone para economizar bateria. Ele avisa você que, se desativar determinado aplicativo, a sua bateria vai durar 40 minutos a mais, por exemplo. Aí, você decide se quer ou não seguir o conselho do programa. Ambos os aplicativos estão disponíveis para o sistema operacional do Google, o Android.

Agora, você não precisa levar o carregador do seu celular para todos os lugares.